Brasil

Concessão de serviços turísticos no Jalapão

Publicada em 03/09/21 às 13:53h - 6 visualizações

por Redação


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: )

A agenda de Diálogo Público que vai tratar da proposta de concessão dos serviços turísticos que hoje são de responsabilidade do Governo do Tocantins, no Parque Estadual do Jalapão, terá início no dia 30 de setembro. A data foi confirmada pelo secretário de Estado de Parcerias e Investimentos do Tocantins, Claudinei Quaresemin, e pelo superintendente de Governo e Relacionamento Institucional do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Pedro Bruno Barros de Souza, em entrevista coletiva realizada nesta quinta-feira, 2, em Palmas.


Durante a coletiva, o secretário Claudinei Quaresemin explicou que a agenda de Diálogo Público incluirá a fase de consulta e de audiência pública, nas quais técnicos do BNDES e do Estado apresentarão o projeto e todos os interessados poderão dar contribuições, de maneira a aprimorar a proposta inicialmente apresentada.

“O dia 30 é o dia D para nós mostrarmos à população o projeto e todos poderão contribuir. O debate público e amplo vai ocorrer desta data para frente. No site da Secretaria de PPI vão estar as regras para que as pessoas possam participar, dar sugestões, criticar, fazer perguntas. De hoje até o dia 30, o BNDES vai estar concluindo os estudos e o Governo fazendo campanha publicitária, conversando com os prefeitos, com líderes de operação de turismo, com as comunidades para esclarecer qual é a proposta da gestão: que é melhorar a qualidade de vida das pessoas que moram na região do Jalapão”, explicou o secretário. 

O gestor da Secretaria de Parcerias e Investimentos também lembrou que todas as contribuições apontadas pela população serão levadas em consideração, a exemplo do que acontece com todos os projetos que propõem concessões. “Nos processos de concessão que aconteceram pelo Brasil, mais de 60% dos apontamentos feitos nas consultas e audiências públicas foram acatadas no edital de licitação final. O Governo está ansioso para ouvir as sugestões, porque ninguém melhor que a comunidade, que as pessoas que vão usar estes atrativos, para contribuir. Teremos total atenção ao olhar da população, como determinou o governador Mauro Carlesse”, disse o secretário Claudinei Quaresemin.

O superintendente do BNDES Pedro Bruno destacou que, além da melhoria da qualidade de vida, geração de emprego e renda para a população, a proposta de concessão visa contribuir para desonerar o Estado. “A grande dificuldade de qualquer ente, hoje, é a dificuldade de orçamento para investimento e, avançando com o projeto, a gente também espera desonerar o Estado. Com esta desoneração, colaboramos para que o Governo possa investir em outras áreas. Esta é a intenção, mas não daremos um passo sem que ocorra diálogo e uma construção conjunta. A participação dos diversos interessados é que vai fazer com que tenhamos um projeto que atenda aos anseios e expectativas de todos. Estamos muito cientes dessa responsabilidade”, afirmou.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Visitas: 449153   Usuários Online: 47

Nosso Whatsapp

 63 9102-0662

Copyright (c) 2021 - REDETV Tocantins - Palmas - Tocantins